BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Início » Veneza testará ‘semáforo’ para turistas em 2018

Veneza testará ‘semáforo’ para turistas em 2018

29 de dezembro de 2017 - Por Fernanda Queiroz
Veneza testará ‘semáforo’ para turistas em 2018

 

O prefeito de Veneza, Luigi Brugnaro, anunciou nesta sexta-feira (29) que, em 2018, a cidade testará um sistema de “semáforos” para turistas na praça San Marco, ponto mais visitado da capital do Vêneto

Segundo ele, será estabelecido um número máximo de pessoas na praça e, quando essa cifra for atingida, os visitantes terão de aguardar no “farol vermelho” para acessá-la. O fluxo será controlado por uma rede de câmeras de vigilância dotadas de um software para contar as entradas e saídas no local.

“Atingido um patamar máximo, que ainda iremos estabelecer, será possível bloquear as passagens para pessoas que não tiverem o cartão de livre acesso, impedindo o ingresso na praça, porque tem muita gente. Não proibiremos que passem, apenas desaceleraremos o fluxo. Quando o semáforo ficar verde, será possível entrar na área”, disse o prefeito.




A medida não deve afetar turistas que dormem na cidade e pagam a “tassa di soggiorno”, que varia de um a cinco euros por dia na alta temporada. O principal foco do controle serão aqueles que apenas passam o dia em Veneza, como as milhares de pessoas que chegam em navios de cruzeiro.

“Quem vier apenas para um dia saberá que pode demorar para entrar em San Marco ou em outras áreas do centro histórico”, acrescentou Brugnaro. A capital do Vêneto recebe cerca de 10 milhões de turistas por ano, que se concentram nos oito quilômetros quadrados de seu centro histórico, habitado hoje por 55 mil pessoas.

O turismo de massa tem provocado um êxodo de moradores do coração de Veneza e motivado protestos frequentes contra a “invasão” na cidade.

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 2375
            [name] => Semáforo
            [slug] => semaforo
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 2375
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 1
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 959
            [name] => Turista
            [slug] => turista
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 959
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 13
            [filter] => raw
        )

    [2] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 692
            [name] => Turistas
            [slug] => turistas
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 692
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 49
            [filter] => raw
        )

    [3] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 521
            [name] => Veneza
            [slug] => veneza
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 521
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 196
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Governo Lula completa um mês. Até o momento acha que está no caminho certo?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 12h20
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.