BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Início » Vaticano não pagou ao Google

Vaticano não pagou ao Google

26 de janeiro de 2009 - Por Comunità Italiana
O padre Federico Lombardi, porta-voz do Vaticano, disse nesta sexta-feira que a Santa Sé "não pagou nem um centavo para o Google" pelo canal oficial do Vaticano no You Tube.
   
"É tudo trabalho dos colegas da Rádio Vaticana e do Centro de Televisão do Vaticano (CTV)", explicou, durante a coletiva de apresentação da nova iniciativa da Santa Sé.
   
O Vaticano inaugurou nesta sexta-feira seu canal oficial no You Tube, portal de vídeos administrado pela empresa norte-americana Google, com uma mensagem do papa Bento XVI para a 43º Jornada das Comunicações Sociais.
   
Segundo Lombardi, "hoje é um dia que escreve uma nova página da história da Santa Sé".
   
"O Papa foi pessoalmente informado sobre o nosso projeto e nos sentimos muito encorajados por isso, porque ele está muito contente", ressaltou o porta-voz.
   
O canal recém-inaugurado oferece vídeos de "audiências, encontros do Papa com personalidades importantes, ou celebrações na praça São Pedro, ou seja todas aquelas atividades que acompanhamos quotidianamente", indicou Lombardi.
   
O conteúdo do canal será inicialmente apenas em italiano, mas "graças à colaboração com o canal H2Onews, muitos vídeos serão traduzidos em inglês, alemão e espanhol".
   
"Inicialmente existem doze vídeoclipes que sobre acontecimentos das últimas semanas, mas diariamente o arquivo será enriquecido", prometeu o porta-voz.
   
O canal também disponibiliza links para outros sítios ligados à Santa Sé, como o da Rádio Vaticana e da CTV, "porque temos consciência de que o Vaticano e o Papa não são toda a Igreja, que é difundida e ativa em todo o mundo", lembrou Lombardi.
   
"Estamos convencidos de que existem pessoas atentas e sensíveis interessadas na mensagem do Papa, e que, na sua busca pelo sentido da vida, se movem no vasto mundo da rede", disse.
   
"Convidamos as diferentes televisões católicas do mundo para contribuir com vídeos", frisou o porta-voz.
   
Lombardi explicou que é responsável "como diretor da Radio Vaticana e do CTV" pelo conteúdo do novo canal, enquanto "o copyright é da Santa Sé, todas as imagens são produzidas pela CTV e o áudio é da Rádio Vaticana".
   
O porta-voz revelou também que "não será possível fazer o download, ou seja 'baixar' o material do canal do Papa".
 
 
 
Fonte: Ansa

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

Leia agora a edição 292

ENQUETE

Após o resultado das eleições brasileiras e italianas, você acredita que os laços entre as duas nações se fortalecerão?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 20h25
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.