Início » Ucraniano é preso após jogar tinta vermelha no portão da embaixada russa em Roma

Ucraniano é preso após jogar tinta vermelha no portão da embaixada russa em Roma

12 de abril de 2022 - Por Comunità Italiana
Ucraniano é preso após jogar tinta vermelha no portão da embaixada russa em Roma

Um cidadão ucraniano, de 43 anos, foi detido na segunda-feira (11) após jogar tinta vermelha no portão de entrada da embaixada russa em Roma, na Itália, para simbolizar o sangue derramado na guerra na Ucrânia. O autor do vandalismo, cuja identidade não foi revelada, foi detido pelos soldados do Exército presentes no perímetro da sede diplomática e responderá a um processo judicial. Ele não resistiu à prisão.

O protesto ocorreu por volta das 6h20 da manhã, na via Gaeta. O homem, que tem ficha limpa e é residente da capital italiana, jogou um balde de tinta vermelha na entrada da embaixada e, logo depois, foi abordado pelas autoridades.

Em uma nota nas redes sociais, a embaixada de Moscou em Roma denunciou a ofensiva, classificando-a como um ato de “vandalismo”.

“Em relação ao incidente, um nota verbal foi enviada ao Ministério das Relações Exteriores da República Italiana com um pedido para reforçar as medidas de segurança da missão e realizar uma investigação objetiva sobre o incidente”, acrescentou o texto publicado nas redes sociais. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

ENQUETE

Loading poll ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • Sun Cloud
  • 22h59
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.