BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Turistas que não forem pernoitar em Veneza precisarão reservar entrada na região

23 de agosto de 2021 - Por Comunità Italiana
Turistas que não forem pernoitar em Veneza precisarão reservar entrada na região

A partir do verão boreal de 2022, turistas que não pernoitarem no centro histórico de Veneza precisarão fazer uma reserva para entrar na região. A medida já vem sendo prometida pela prefeitura há vários anos, mas teve de ser adiada em função na pandemia do novo coronavírus.

No entanto, a invasão de visitantes após o relaxamento das restrições de viagem na União Europeia convenceu o governo municipal a implantar o plano a partir do próximo verão no Hemisfério Norte, que começa no fim de junho.

O projeto prevê a instalação de cancelas eletrônicas nos acessos ao centro histórico de Veneza para controlar a entrada de turistas. Enquanto viajantes que pernoitam no centro da cidade já pagam uma taxa de estadia de um a cinco euros por dia, os adeptos do chamado “bate e volta” não são cobrados atualmente.

A prefeitura, contudo, vai implantar uma taxa de até oito euros (equivalente a R$ 51 pela cotação atual) para turistas que não pernoitam no centro histórico veneziano, valor que será cobrado de forma antecipada, mediante reserva e por meio de um aplicativo.

A taxa será de três euros (R$ 19) nos dias comuns; seis euros (R$ 38) nos dias de “selo vermelho”, ou seja, quando é previsto um “fluxo crítico” de pessoas; e oito euros nos dias de “selo preto”, quando é estimado um “fluxo crítico excepcional” de turistas.

Em um segundo momento, essas cifras devem subir para seis, oito e 10 euros (R$ 64), respectivamente, com a criação de uma quarta categoria, o “selo verde”, para raros dias com baixo fluxo de viajantes e valor de três euros.

O calendário de selos será divulgado previamente pela prefeitura, que também não exclui instalar as primeiras cancelas eletrônicas em setembro para começar a testar o sistema. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 9446
            [name] => Pernoite
            [slug] => pernoite
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 9446
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 1
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 692
            [name] => Turistas
            [slug] => turistas
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 692
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 37
            [filter] => raw
        )

    [2] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 521
            [name] => Veneza
            [slug] => veneza
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 521
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 152
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Grupo de partidos e associações da Itália iniciaram campanha para convocar um plebiscito sobre a descriminalização do cultivo e do uso da maconha. Você é a favor da liberação?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 21h11
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.