BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Início » Tortura no Brasil é debatida em Trento

Tortura no Brasil é debatida em Trento

01 de novembro de 2007 - Por Comunità Italiana
O sociólogo italiano Gino Tapparelli, que há 40 anos atua como professor universitário e ativista pela defesa dos direitos humanos e contra a tortura em Salvador, na Bahia, foi a principal atração do debate intitulado "Brasil, qual futuro para os direitos humanos?", realizado na noite desta terça-feira no Palácio do Governo de Trento, no norte da Itália.
   
Tapparelli recordou que quando chegou no Brasil, a tortura era praticada pelos militares no governo, enquanto hoje, que o Brasil é um país democrático, a tortura sobrevive como instrumento policial e carcerário.
   
Também participaram do debate a assessora provincial para Emigração e Solidariedade Internacional, Iva Berasi, o representante da Anistia Internacional e responsável pelo Grupo Itália 150 Trento, Floriano Zini, e Fabio Pipinato, da organização Unimondo.
   
Gino Tapparelli falou principalmente sobre seu trabalho no Brasil, que ocorre desde 2001 com auxílio financeiro da Província e da Fondazione Fontana, que possibilitaram a realização da "Campanha SOS Tortura".
   
Os dados divulgados são relativos a 158 declarações de tortura recolhidas no estado da Bahia entre 2001 e 2003. Destes casos de tortura, 79,1% são de caráter institucional, dos quais 49,7% praticados por agentes da polícia civil, 14,4% por militares e 4,6% por agentes penitenciários.
   
A "Campanha SOS Tortura" indicou a Bahia como o quarto estado brasileiro com maior número de casos de tortura.
 
 
Fonte: Ansa 

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

Leia agora a edição 293

ENQUETE

O Ministério da Educação da Itália lançou uma circular em que proíbe o uso de celulares e dispositivos eletrônicos análogos em salas de aula de todo o país. Você concorda com a medida?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 11h55
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.