BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Início » Taxa de risco de pobreza na Itália cresce e atinge cerca de 11,84 milhões de cidadãos

Taxa de risco de pobreza na Itália cresce e atinge cerca de 11,84 milhões de cidadãos

25 de agosto de 2022 - Por Comunità Italiana
Taxa de risco de pobreza na Itália cresce e atinge cerca de 11,84 milhões de cidadãos

A taxa de risco de pobreza na Itália, ou seja, o percentual de pessoas que tem uma renda inferior a 60% da média disponível, subiu para 20,1% em 2021, atingindo 11,84 milhões de cidadãos, informou o escritório europeu de estatísticas, Eurostat, na quarta-feira (24). No ano anterior, o dado era de 20%.

O número sobe para 25,2% se forem consideradas também as pessoas que vivem em risco de exclusão social, como aquelas que estão próximas à faixa de risco da pobreza; que não podem ter uma série de bens materiais ou atividades sociais; ou que vivem em famílias com baixa intensidade laboral.

O relatório do Eurostat ainda mostrou a importância dos programas de transferência de renda adotados pelo governo durante 2021, já que a taxa de risco de pobreza era de 28,5% antes da aplicação dessas medidas. Além disso, o percentual de pobres por conta dessas ajudas caiu 8,4 pontos percentuais.

O documento apontou que o percentual de menores de idade que estão na taxa de risco subiu para 26% (eram 25,1% em 2020) enquanto a de idosos caiu para 15,6% (16,8% no ano anterior). O índice ainda foi maior entre as mulheres (20,7%), mesmo que tenha registrado uma leve queda, do que entre os homens (19,4%).

Sobre as crianças, o Eurostat apontam que 789 mil em idade pré-escolar e 2,85 milhões ao todo viviam em famílias com uma renda inferior a 60% da média nacional ou em núcleos com graves privações materiais e sociais. Os dados de 2021 foram considerados os piores para essa faixa etária desde 1995.

Outro dado relevante do estudo é a quantidade dos chamados “trabalhadores pobres”, que são aqueles que apesar de terem um emprego, vivem sob o risco constante de entrar na taxa de pobreza. São 11,7% das pessoas entre 18 e 64 anos que trabalham que estão nessa situação – contra 10,8% em 2020. Se considerados apenas os jovens de 18 a 24 anos, esse índice sobe para 15,3%. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 3185
            [name] => eurostat
            [slug] => eurostat
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 3185
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 8
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 2114
            [name] => Pobreza
            [slug] => pobreza
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 2114
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 11
            [filter] => raw
        )

    [2] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 2946
            [name] => Risco de pobreza
            [slug] => risco-de-pobreza
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 2946
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 3
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Governo Lula completa um mês. Até o momento acha que está no caminho certo?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 17h01
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.