BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Senador retira emenda que restringia cidadania italiana

30 de novembro de 2017 - Por Fernanda Queiroz
Senador retira emenda que restringia cidadania italiana

 

O senador Claudio Micheloni, do Partido Democrático (PD), retirou uma emenda à Lei Orçamentária da Itália para 2018 que restringia o acesso à cidadania jus sanguinis (direito de sangue) no país.

Segundo a deputada brasileira do Parlamento italiano Renata Bueno, Micheloni acabou recuando “em virtude da polêmica” e da reação negativa ao projeto.

“Eu queria esclarecer que não haverá mudanças. Essa notícia acabou circulando em vários veículos de comunicação e provocou preocupação em milhares de descendentes que estão com processo de requisição da cidadania italiana em andamento. Todos podem ficar tranquilos, já que a proposta do senador não prosperou”, disse Bueno.

A emenda de Micheloni, eleito na Suíça, previa que a cidadania só fosse concedida para descendentes de até segunda geração, ou seja, apenas para filhos e netos de italianos. Já os bisnetos só poderiam solicitar o reconhecimento entre os 18 e 22 anos de idade.

Além disso, o senador queria exigir conhecimento básico de italiano e aumentar de 300 para 400 euros a taxa cobrada no processo. O valor foi instituído em 2014, para financiar os consulados e agilizar a tramitação dos pedidos, mas até hoje não foi repassado à rede consular.

A emenda surgiu no momento em que o PD, do primeiro-ministro Paolo Gentiloni, tenta introduzir o princípio do jus soli (direito de território) na legislação, medida que encontra resistência na ala conservadora do Parlamento.

O projeto pretende permitir que filhos de estrangeiros nascidos na Itália também tenham direito à cidadania, desde que respeitando alguns requisitos referentes ao tempo de residência em solo italiano. Do jeito que está hoje, o texto não altera o jus sanguinis. (ANSA)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 368
            [name] => Cidadania
            [slug] => cidadania
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 368
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 22
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 1333
            [name] => italiana
            [slug] => italiana
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 1333
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 13
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Futebol italiano se mobiliza contra racismo. Você acha que gritos preconceituosos devem ser punidos em estádios?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 17h04
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.