BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Seis meses depois da queda, começa demolição da ponte Morandi na Itália

08 de fevereiro de 2019 - Por Matheus Sousa
Seis meses depois da queda, começa demolição da ponte Morandi na Itália

Desastre deixou 43 mortos em agosto de 2018

Quase seis meses depois do desabamento da ponte Morandi em Gênova, no norte da Itália, a demolição da infraestrutura começa nesta sexta-feira (8) com o desmantelamento de um dos dois enormes fragmentos que permaneceram de pé após o desastre. O incidente deixou 43 pessoas e centenas tiveram que deixar suas casas.

Dezenas de operários e especialistas, equipamentos pesados e um enorme guindaste participam dos trabalhos que devem durar cerca de oito horas até que o trecho oeste da ponte, um enorme bloco de mais de 800 toneladas, seja desmontado e baixado até o chão de uma altura de 48 metros.

O primeiro-ministro da Itália, Giuseppe Conte, que assiste ao início das operações, afirmou que “é um momento importantíssimo, simbólico. É o resgate de Génova, de (a região de) Ligúria e de toda a Itália”, pouco antes de participar da cerimônia que deu início à demolição da ponte.

Desde que ocorreu a tragédia em 14 de agosto, já foram removidas cerca de 3 mil toneladas de material e destroços, mas esta é a primeira vez que um bloco gigante – de 36 metros de comprimento por 18 de largura – do viaduto será desmontado.

Um consórcio formado pelas empresas italianas Salini Impregilo, Fincantieri e Italferr ficará a cargo da reconstrução da ponte, cujo projeto foi elaborado pelo arquiteto Renzo Piano.

A nova ponte custará 202 milhões de euros e está previsto que as obras terminem no fim deste ano, mas a estrutura só estará operacional no início de 2020, segundo afirmou hoje o ministro dos Transportes italiano, Danilo Toninelli.

O projeto de Piano contempla uma ponte com uma cobertura de aço de 1.100 metros de extensão, com 19 pilares elípticos separados por uma distância de 50 metros.

O próprio arquiteto Renzo Piano será o supervisor técnico da reconstrução.

Após a tragédia, o governo italiano culpou imediatamente a concessionária Autostrade per l’Italia, a empresa responsável pela gestão e manutenção do viaduto.

O Ministério Público de Génova abriu uma investigação para tentar esclarecer as razões do acidente e, atualmente, dezenas de pessoas estão sendo investigadas, entre elas vários diretores da Autostrade per l’Italia.

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 4962
            [name] => Demolição
            [slug] => demolicao
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 4962
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 4
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 1213
            [name] => Genova
            [slug] => genova
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 1213
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 42
            [filter] => raw
        )

    [2] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 4214
            [name] => Ponte Morandi
            [slug] => ponte-morandi
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 4214
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 12
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Novo programa Renda de Cidadania, espécie de "Bolsa Família" da Itália, exige que o beneficiário preste serviço para o município em troca do crédito. Você concorda?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 15h51
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.