BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Renzi tenta mostrar força após derrota na Sicília

08 de novembro de 2017 - Por Fernanda Queiroz
Renzi tenta mostrar força após derrota na Sicília

 

No rescaldo das eleições na Sicília, que impuseram uma dura derrota ao Partido Democrático (PD), o líder da principal força da centro-esquerda na Itália, o ex-primeiro-ministro Matteo Renzi, garantiu nesta última terça-feira (7) que não desistirá de voltar ao Palácio Chigi.

No último domingo (5), o PD obteve apenas 18,65% dos votos na disputa pelo governo da Sicília, que era controlada pela sigla desde 2012, e viu o nascimento de um antagonismo entre o populista Movimento 5 Estrelas (M5S) e uma ampla aliança do conservador moderado Silvio Berlusconi com ultranacionalistas.

A derrota do Partido Democrático aumentou a pressão sobre Renzi, que desde sua renúncia ao cargo de primeiro-ministro, em dezembro passado, não conseguiu recuperar a popularidade de antes.

Declaração

“Há meses tentam me colocar de lado, mas não conseguirão, nem mesmo desta vez. Pessoalmente, acredito na equipe. Somos um belo grupo de pessoas e podemos reivindicar os sucessos do passado e os projetos para o futuro. Aqui não recuamos nem um centímetro”, escreveu Renzi em sua newsletter semanal.

O ex-premier ainda acrescentou que o PD precisa “parar de brigar internamente” para vencer as eleições legislativas previstas para março de 2018, quando ele tentará retomar o governo da Itália. Renzi liderou o país entre 2014 e 2016, mas renunciou por causa de sua derrota no referendo constitucional de dezembro passado.

Ele foi substituído pelo correligionário Paolo Gentiloni, uma figura mais discreta, menos polêmica e que começa a ser ventilada como possível alternativa para liderar o PD nas eleições de 2018, embora o próprio primeiro-ministro já tenha aparecido ao lado de Renzi para defender sua candidatura.

Além disso, dissidentes do Partido Democrático têm dado sinais positivos a uma eventual candidatura do presidente do Senado, Pietro Grasso, como líder de uma coalizão de centro-esquerda.

Hoje no PD, Grasso abandonou recentemente o grupo da legenda no Parlamento e cogita mudar de partido após o fim da atual legislatura. (ANSA)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 1819
            [name] => eleições
            [slug] => eleicoes
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 1819
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 34
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 564
            [name] => Renzi
            [slug] => renzi
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 564
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 14
            [filter] => raw
        )

    [2] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 798
            [name] => Sicilia
            [slug] => sicilia
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 798
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 28
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Milão fixa sinalizações pela cidade e volta a liberar a livre circulação de patinetes elétricos. Você é a favor da medida?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 15h26
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.