Início » Premiê da Itália defende Vaticano como possível mediador de paz entre Rússia e Ucrânia

Premiê da Itália defende Vaticano como possível mediador de paz entre Rússia e Ucrânia

15 de março de 2023 - Por Comunità Italiana
Premiê da Itália defende Vaticano como possível mediador de paz entre Rússia e Ucrânia

A primeira-ministra da Itália, Giorgia Meloni, defendeu o Vaticano como mediador de possíveis negociações de paz entre Rússia e Ucrânia. “A Santa Sé é a mais idônea para as negociações e tem o apoio da Itália”, garantiu a premiê durante um evento em Roma que também contou com a presença do secretário de Estado do Vaticano, cardeal Pietro Parolin.

Em diversas entrevistas por ocasião de seus 10 anos como pontífice, Francisco reiterou que está disposto a viajar para Kiev e Moscou, mas somente se puder ir para as duas capitais e se houver uma “janelinha” para falar sobre paz.

A Ucrânia já fez vários convites ao líder da Igreja Católica, enquanto a Rússia ainda não mostrou abertura para receber Jorge Bergoglio. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

ENQUETE

Loading poll ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • Sun Cloud
  • 06h48
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.