Início » Premiê da Itália classifica como ‘berrante’ e ‘obscena’ fala de ministro russo sobre Hitler

Premiê da Itália classifica como ‘berrante’ e ‘obscena’ fala de ministro russo sobre Hitler

03 de maio de 2022 - Por Comunità Italiana
Premiê da Itália classifica como ‘berrante’ e ‘obscena’ fala de ministro russo sobre Hitler

Em entrevista ao canal italiano Rete 4 no último domingo (1º), o ministro das Relações Exteriores de Moscou, Sergei Lavrov, foi questionado se não seria incoerente acusar a Ucrânia de promover o neonazismo sendo que o presidente Volodymyr Zelensky é judeu. “Que o presidente Zelensky seja judeu não significa nada. Para mim, Hitler também tinha origens judaicas”, respondeu o ministro russo.

O primeiro-ministro da Itália, Mario Draghi, classificou na segunda-feira (2) como “aberrante” e “obscena” a declaração de Lavrov. “Em primeiro lugar, estamos falando de um país onde há liberdade de expressão, e o ministro Lavrov pertence a um país onde não há liberdade de expressão. Na Itália há liberdade de expressar opiniões, mesmo quando eles são descaradamente falsos e aberrantes. O que Lavrov disse é aberrante. E no que diz respeito à parte de Hitler, é verdadeiramente obsceno”, declarou Draghi. .

Já o governo de Israel convocou na segunda-feira o embaixador da Rússia no país, Anatoly Viktorov, a prestar esclarecimentos. “As declarações de Lavrov são imperdoáveis e ultrajantes, além de um terrível erro histórico. Os judeus não se mataram sozinhos no Holocausto. O nível mais baixo de racismo contra judeus é acusá-los de antissemitismo”, disse o ministro israelense das Relações Exteriores, Yair Lapid.

Dani Dayan, presidente do Yad Vashem, memorial do Holocausto em Jerusalém, disse que a declaração de Lavrov é “falsa, delirante e perigosa”. “O sentido das palavras de Lavrov transforma as vítimas em carrascos”, acrescentou.

Por sua vez, o ministro ucraniano das Relações Exteriores, Dmytro Kuleba, afirmou que seu colega russo “não conseguiu esconder o antissemitismo profundamente enraizado na elite” de Moscou.

“Seus comentários atrozes ofendem o presidente Zelensky, a Ucrânia, Israel e o povo judeu. Mais amplamente, demonstram que a Rússia está cheia de ódio em relação a outras nações”, escreveu Kuleba no Twitter. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

ENQUETE

Loading poll ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • Sun Cloud
  • 15h23
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.