BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Início » Pirataria musical dá prejuízo de mais de 100 milhões de euros

Pirataria musical dá prejuízo de mais de 100 milhões de euros

29 de agosto de 2008 - Por Comunità Italiana
Um estudo sobre a indústria musical da Itália revelou que a pirataria atinge cerca de 25% do mercado, gerando prejuízos de mais de 110 milhões de euros para essa indústria.
   
O estudo foi realizado pela Federação da Indústria Musical Italiana (Fimi) e pela Federação contra a Pirataria Musical (FPM), por ocasião de um evento antipirataria em Veneza.
   
Em 2007 as operações de combate à pirataria levaram à prisão de 293 pessoas e apreensão de mais de 1,4 milhão de CDs falsificados. A pirataria digital "cresceu exponencialmente nos últimos anos e constitui hoje a ameaça principal para a indústria musical", segundo o estudo.
   
Especialmente o compartilhamento de arquivos musicais gerou fortes perdas no setor, provocando uma contração do mercado equivalente a 30% e dificultando o estabelecimento de modelos legais de distribuição digital.
   
Para as federações, a distribuição ilegal de música na Itália "constitui um dos maiores freios ao desenvolvimento, sobretudo de artistas emergentes, e hoje multiplicou seu potencial através da pirataria digital".
   
O presidente da Fundação Bienal de Veneza, Paolo Baratta, declarou que a cidade "foi a primeira na história a enfrentar o tema do direito autoral". "Em 1474 foi aprovada em Veneza a primeira lei sobre direito autoral com o fim de atrair a criatividade e a genialidade das inteligências européias", disse Baratta.
   
"Graças a isso, desenvolveu-se em Veneza a mais importante industria de imprensa do mundo. Entre 1470 e 1510 foram impressos, graças à afirmação dos direitos autorais, muito mais livros que em Paris e a indústria da imprensa de Veneza foi a primeira absoluta no mundo, porque soube introduzir pela primeira vez esse conceito da propriedade intelectual", acrescentou.
 
 
 
Fonte: Ansa

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

Leia agora a edição 292

ENQUETE

Após o resultado das eleições brasileiras e italianas, você acredita que os laços entre as duas nações se fortalecerão?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 21h44
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.