O Napoli pagou o preço por atuar com um time misto nesta quarta-feira (2) e empatou por 0 x 0 com o Racing Genk fora de casa, desperdiçando pontos na Liga dos Campeões

Após vencer o atual campeão Liverpool na abertura do grupo E, o técnico Carlo Ancelotti deixou Lorenzo Insigne de fora e Dries Mertens no banco de reservas diante dos campeões belgas, que haviam sofrido seis gols na estreia do torneio contra o Salzburg.

O atacante Arkadiusz Milik fez apenas sua segunda partida como titular na temporada, acertando a trave duas vezes e perdendo outras três boas chances.

Mertens, que está a apenas um gol de igualar o recorde de Diego Maradona, autor de 115 tentos pelo Napoli, entrou por volta dos 15 minutos do segundo tempo e demorou a aparecer bem, tendo suas duas tentativas defendidas.

Apesar do zero a zero, o  jogo foi disputado em alta velocidade durante os 90 minutos, repleto de contra-ataques perigosos e várias oportunidades foram criadas.

Com o resultado da partidida, o Napoli segue líder do grupo E ao alcançar os quatro pontos, enquanto o Genk somou seu primeiro ponto na fase de grupos da competição e é o lanterna.