A Câmara de Investigação do Comitê de Controle Financeiro de Clubes da Uefa acusou o Milan de descumprir as normas de equilíbrio financeiro durante os exercícios de 2016, 2017 e 2018, segundo anunciou nesta quarta-feira (10) a confederação continental.

Os dados foram analisados ao longo desta temporada, e a conclusão já foi transferida para a Câmara de Resolução, que vai tomar uma decisão quanto ao caso, podendo até gerar uma punição esportiva ao clube italiano, como a proibição de participação em torneios.