Sammy Basso, jovem natural do Vêneto de 23 anos, portador da doença progeria e fundador da Associação Italiana de Progeria, foi o primeiro paciente no mundo com síndrome do envelhecimento a ter o coração operado

O procedimento, realizado no hospital San Camilo, em Roma, há cerca de uma semana, foi liderado pelo especialista em cirurgias cardíacas Francesco Musumeci.

Segundo a equipe médica, o paciente está em “excelente condição” e receberá alta hospital já nesta terça-feira (5).

O italiano precisou realizar uma intervenção para tratar uma estenose valvar aórtica calcificada. A cirurgia, que geralmente é realizada em pacientes idosos, apresentou muitos riscos por causa das condições físicas de Sammy, além dele ter pequenas artérias.

“Obtivemos um resultado que parecia quase impossível e que abre uma nova perspectiva para o tratamento desta doença”, afirmou Musumeci.

O médico ainda explicou que esta cirurgia foi a primeira realizada em um paciente que tem 23 anos de idade no registro, mas com condições clínicas de um octogenário.

“A pesquisa sobre esta doença foi baseada em drogas para retardar o envelhecimento. Mas quando os sintomas começaram a se manifestar, foi o fim”, explicou Sammy, ressaltando que estava ciente de que seu coração poderia ter parado a qualquer momento.

Apesar de ter nascido em 1995, Sammy aparenta ter 80 anos de idade e pesa pouco mais de 15kg. Ele é fundador da Associação Italiana de Progeria, e graças à instituição conseguiu divulgar sua doença a milhões de pessoas em todo o planeta.