Crianças de até 6 anos só poderão frequentar escolas após vacina

Aprovada em julho de 2017, a Lei Lorenzin começa a valer em toda a Itália com a obrigatoriedade da vacinação em crianças que frequentam creches e escolas infantis.

A nova lei determina que somente crianças vacinadas sejam matriculadas em creches e instituições do ensino básico. A partir desta terça-feira (12) nenhuma criança poderá comparecer às escolas sem carteira de vacinação.

A lei também recai para jovens de até 16 anos. Contudo, os estudantes poderão assistir às aulas sem a carteira de vacinação, mas estão sujeitos a sanções caso os jovens e o pais se recusem a regularizar a vacinação.