Início » Jair Bolsonaro afirma que Itália e EUA não pediram atestados de vacinação contra covid

Jair Bolsonaro afirma que Itália e EUA não pediram atestados de vacinação contra covid

04 de maio de 2023 - Por Comunità Italiana
Jair Bolsonaro afirma que Itália e EUA não pediram atestados de vacinação contra covid

Horas depois de ter sua residência revistada pela Polícia Federal por suposta falsificação de atestados de vacinação contra a covid-19, o ex-presidente Jair Bolsonaro declarou que, quando viajou à Itália e aos Estados Unidos, as autoridades desses países não lhe pediram comprovante de imunização.

“Nas vezes que viajei pelo mundo, se não me engano uma vez à Itália, eu perguntei para minha assessoria se eles exigiam a vacina, e eles me disseram que sim, eu não me lembro se foi à Itália, aí eu disse: se é assim eu não viajo. Aí veio a resposta oficial de um país europeu, talvez a Itália, que eu estava dispensado da vacina”, afirmou Bolsonaro à uma rádio de São Paulo na tarde de quarta-feira (3).

“O tratamento dispensado ao chefe de Estado é diferente do cidadão comum, tudo é acertado antecipadamente e nas minhas idas aos Estados Unidos em nenhum momento foi exigido o cartão de vacinação”, acrescentou.

De acordo com a investigação policial, o político de direita falsificou um certificado de vacinação para poder entrar nos Estados Unidos em 2022. (com dados de agências internacionais)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

ENQUETE

Loading poll ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • Sun Cloud
  • 01h07
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.