Neste domingo (21), o tenista italiano Fabio Fognini entrou para a história da modalidade ao conquistar o torneio de Monte Carlo. O atleta venceu o sérvio Dusan Lajovic na final, em dois sets, com parciais de 6/3 e 6/4. É a primeira vez que um tenista italiano ganha uma final de um Masters 1000.

No sábado (20), Fognini já tinha derrotado o então favorito Rafael Nadal, número 2 do mundo. O espanhol sequer venceu um set e ainda correu grande risco de levar um pneu, perdendo por 6/4 e 6/2, sendo essa apenas a quinta derrota dele na história do torneio, em que disputa desde 2003.

Fognini, de 31 anos, que conquistou o Brasil Open no ano passado, chegou, assim, à sua primeira final nesta temporada.