BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Itália pede investigação transparente sobre caso Navalny

26 de agosto de 2020 - Por Comunità Italiana
Itália pede investigação transparente sobre caso Navalny

O Ministério das Relações Exteriores da Itália expressou seu apoio a uma investigação transparente, completa e rápida sobre o suposto envenenamento do opositor russo Alexei Navalny, que está internado em um hospital em Berlim.   

“A Itália manifesta profunda preocupação pelas conclusões preliminares apresentadas pelos peritos do hospital alemão Charité sobre as condições clínicas de Alexei Navalny, que sugerem que o ativista russo pode ter sido vítima de envenenamento”, diz a nota da Farnesina.   

Segundo a nota, o governo italiano apoia “fortemente” a necessidade de uma “luz completa e rápida sobre esses eventos muito graves” em linha com o que já foi solicitado na União Europeia.   

“Esperamos que as autoridades russas iniciem uma investigação independente e transparente o mais rápido possível com o objetivo de levar os responsáveis à justiça”, completa.   

Mais cedo, os Estados Unidos também afirmaram que apoiariam uma investigação completa liderada pela União Europeia para apurar o caso, acrescentando que estão “profundamente preocupados” com as conclusões preliminares dos médicos alemães.   

“Se os relatórios forem verdadeiros, os Estados Unidos apoiam o pedido da UE por uma investigação abrangente e estão prontos para fornecer assistência neste esforço”, afirmou o secretário de Estado americano, Mike Pompeo, em um comunicado.   

“A família Navalny e o povo russo merecem uma investigação completa e transparente e que os responsáveis sejam punidos”, finalizou.   

O porta-voz do governo da Rússia, Dmitri Peskov, por sua vez, criticou a “pressa” dos médicos alemães de apontarem que o líder da oposição do país foi envenenado e descartou abrir uma investigação sobre o caso neste momento.   

O envenenamento ou não do opositor russo vem sendo motivo de ataques entre a família do advogado de 44 anos e os médicos do hospital de emergências de Omsk, que atendeu Navalny antes dele ser transferido para Berlim. (dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 1574
            [name] => Investigação
            [slug] => investigacao
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 1574
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 13
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 7740
            [name] => Navalny
            [slug] => navalny
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 7740
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 1
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Você concorda com a exclusão dos atletas russos e bielorussos das Olimpíadas de Paris de 2024 em virtude da guerra na Ucrânia?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 00h47
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.