A Copa do mundo feminina na França será “espetacular”. Quem garantiu foi o ítalo-suíço presidente da Fifa, Gianni Infantino, nesta quarta-feira (27), a 100 dias do início do torneio.

“É um Mundial que vai ser espetacular. Hoje é o ‘dia 100’ e estamos muito felizes e orgulhosos de contribuir para o apoio total ao futebol feminino”, declarou Infantino durante uma entrevista coletiva em Roma, depois de três dias de reuniões com representantes de mais de 60 federações no evento chamado ‘Executive Football Summit’.

“Eu estou convencido de que depois desta Copa do Mundo, a maneira de ver o futebol feminino no mundo vai mudar”, acrescentou.

“Esperamos um bilhão de telespectadores, 1,3 milhão de torcedores nos estádios. O interesse da mídia é muito grande e o futebol feminino merece”, destacou o chefe da entidade que rege o futebol mundial depois de ter apresentado a bola oficial da competição.

“O futebol feminino não é o que pensávamos algum tempo atrás. Ele fez progressos enormes, as jogadoras são verdadeiras atletas que jogam muito bem, técnica e taticamente. Elas poderão nos dar muitas lições”, disse ainda.

A Copa do Mundo feminina vai ser disputada do dia 7 de junho ao 7 de julho na França.

(AFP)