A joint venture ítalo-francesa Thales Alenia Space assinou um acordo de transferência de tecnologia com a Agência Espacial Brasileira (AEB), vinculada ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Telecomunicações.

O contrato permitirá ao Brasil potencializar sua capacidade de projetar e desenvolver instrumentos óticos para satélites voltados à observação da Terra. O acordo foi assinado no âmbito do programa Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), do Governo Federal.

A Thales Alenia Space já desenvolveu o satélite SGDC-1, lançado em 2017 e operado pela Telebrás, com o objetivo de fornecer um ambiente digital seguro e independente para telecomunicações estratégicas do governo.

A joint venture é controlada pela empresa francesa Thales (67%) e pela companhia italiana Leonardo (33%), dois dos maiores grupos aeroespaciais da Europa. (Ansa)