Medida é voltada sobretudo para brasileiros e portugueses

Com o objetivo de oferecer informações e servir de apoio em áreas com forte presença de turistas brasileiros e portugueses, Florença disponibilizou um agente lusófono em sua equipe de patrulha da Arma dos Carabineiros.

A medida é fruto de uma parceria entre a polícia militar italiana e a Guarda Nacional Republicana de Portugal e ficará em vigor ao menos até 5 de agosto.

Desde 14 de julho, um agente português participa das atividades rotineiras de patrulha com os carabineiros no centro histórico de Florença, usando o uniforme da Guarda Nacional Republicana para ser facilmente reconhecido por seus conterrâneos.

Segundo a corporação, a iniciativa também deve ser copiada em Roma e Veneza.

(com informações da ANSA)