BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Federação italiana de Futebol abre investigação contra o Napoli

05 de outubro de 2020 - Por Comunità Italiana
Federação italiana de Futebol abre investigação contra o Napoli

Para apurar se o Napoli aplicou corretamente as medidas dos protocolos sanitários validados pelo comitê técnico-científico do governo italiano (CTS), a Federação Italiana de Futebol (Figc) abriu, nesta segunda-feira (5), uma investigação contra o clube. 

O clube azzurro, que registrou três casos confirmados do novo coronavírus (Sars-CoV-2), sendo que dois infectados são jogadores da equipe principal, não enfrentou a Juventus no domingo (4) pelo Campeonato Italiano e corre o risco de sofrer uma derrota de W.O. por 3 a 0.  

O chefe da promotoria da FIGC, Giuseppe Chinè, pediu uma cópia das correspondências trocadas entre a Agência Sanitária Local (ASL) e o Napoli.   

De acordo com a imprensa local, o juiz desportivo da Figc, Gerardo Mastrandrea, adiou o seu veredito sobre o jogo “fantasma” entre Juventus e Napoli, que seria em Turim.   

O órgão disciplinar da entidade optou em pedir um tempo maior para analisar os acontecimentos e reconstruir a polêmica história. A decisão de Mastrandrea deverá ser anunciada no máximo até quarta-feira (7). 

O Napoli foi proibido pelas autoridades sanitárias de Nápoles de embarcar para Turim para o clássico diante da Juve em decorrência da descoberta de três casos do novo coronavírus (Sars-CoV-2).   

Mesmo sabendo que o elenco do Napoli não conseguiu viajar, a Velha Senhora e a equipe de arbitragem se apresentaram para o duelo no Allianz Stadium. Seguindo o protocolo da liga, o árbitro Daniele Doveri esperou 45 minutos e, na ausência do clube napolitano, cancelou a partida.   

Antes do duelo, a diretoria do Napoli entrou em contato com as autoridades sanitárias da região da Campânia para saber como proceder após dois jogadores e um membro da comissão técnica terem testado positivo para a doença. A ASL respondeu que não existiam “condições que permitissem o deslocamento em plena segurança”.   

“O que me irrita é que podemos pensar que existem autarquias locais que podem influenciar o campeonato a partir de um interesse, aqui o único interesse é a saúde das pessoas. A Agência Sanitária Local (ASL) é um órgão primordial que o Ministério da Saúde também reconhece. Não foi o Napoli que optou por não ir a Turim, se o Napoli tivesse ido, correria riscos criminais e à saúde”, declarou Mattia Grassani, advogado do Napoli e especialista em direito esportivo, em entrevista à emissora “Anch’io Sport”.

O prefeito de Nápoles, Luigi De Magistris, disse que o clube “não tinha alternativas”. Ele também afirmou que o Napoli não viajou para a capital da região do Piemonte por temer “responsabilidades criminais”.

“Não acho que o Napoli tivesse alternativas, quando a ASL exige para que você não saia. Agora há muito pouco futebol em tudo isso, eu não consigo mais ver os jogos sem torcedores”, disse De Magistris.   

Já para Massimo Galli, diretor do Instituto de Ciências Biomédicas do Hospital Sacco, em Milão, afirmou que a decisão da ASL “demonstra que existe regras e autoridades que ultrapassam as outras”. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 953
            [name] => Campeonato Italiano
            [slug] => campeonato-italiano
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 953
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 166
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 1921
            [name] => Federação Italiana de Futebol
            [slug] => federacao-italiana-de-futebol
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 1921
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 13
            [filter] => raw
        )

    [2] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 1216
            [name] => Figc
            [slug] => figc
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 1216
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 34
            [filter] => raw
        )

    [3] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 325
            [name] => juventus
            [slug] => juventus
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 325
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 218
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Você acha que a Itália terminará na frente do Brasil no quadro de medalhas das Olimpíadas de Tóquio?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 08h21
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.