BIANUAL

BIANUAL

A partir de
Por R$ 299,00

ASSINAR
ANUAL

ANUAL

A partir de
Por R$ 178,00

ASSINAR
ANUAL ONLINE

ANUAL ONLINE

A partir de
Por R$ 99,00

ASSINAR


Mosaico Italiano é o melhor caderno de literatura italiana, realizado com a participação dos maiores nomes da linguística italiana e a colaboração de universidades brasileiras e italianas.


DOWNLOAD MOSAICO

Baixe nosso aplicativo nas lojas oficiais:

Início » Comissão Europeia planeja propor redução obrigatória no consumo de energia

Comissão Europeia planeja propor redução obrigatória no consumo de energia

13 de setembro de 2022 - Por Comunità Italiana
Comissão Europeia planeja propor redução obrigatória no consumo de energia

A Comissão Europeia planeja propor aos Estados-membros uma meta obrigatória para a redução do consumo de energia elétrica nos horários de pico, segundo um projeto consultado pela agência italiana de noticias ‘Ansa’ na segunda-feira (12). De acordo com o documento, que deve ser apresentado em Bruxelas, a meta obrigatória seria uma seleção de três ou quatro horas por dia da semana para reduzir o consumo, deixando aos países uma “margem” na escolha dos horários; e outro objetivo que prevê a redução do consumo global.

O horário para implementar a redução de consumo “poderia incluir também aqueles em que a produção de eletricidade a partir de fontes renováveis é baixa”.

A meta de redução do consumo não está quantificada no projeto e será objeto de debate amanhã de manhã, quando o painel de comissários se reunirá. Na semana passada, a orientação da Comissão era de uma redução de 10%.

A quantificação do corte mensal é feita comparando-o com o mesmo mês do “período de referência”, com base no consumo médio dos 5 anos anteriores ao período de 1 de novembro a 31 de março em que a UE pede um corte. Mas caberá aos governos nacionais decidir em que momentos acioná-lo.

Além disso, a União Europeia também pretende desviar partes dos lucros das empresas de energia para “ajudar a proteger consumidores e companhias do impacto de uma crise energética sem precedentes”.

O chamado “imposto sobre lucros extraordinários” terá como pivô um limite obrigatório sobre as receitas dos operadores que produzem “outras fontes que não o gás através de um limite no preço da eletricidade gerada a partir de tecnologias limpas ou a energia nuclear”.

O limite irá ser aplicado às receitas por megawatt(MW)/hora e também será objeto de discussão, apesar da orientação dos últimos dias ser fixá-lo em cerca de 200 euros.

Os preços da energia e a inflação subiram quando a Rússia reduziu o fornecimento de gás em resposta às sanções ocidentais impostas por sua ofensiva na Ucrânia. Com o projeto, a Comissão Europeia veria os 27 países da UE introduzindo uma “contribuição de solidariedade” para a indústria de combustíveis fósseis, além de tentar combater a crise de energia no bloco. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários
Array
(
    [0] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 10618
            [name] => Energia elétrica
            [slug] => energia-eletrica
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 10618
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 3
            [filter] => raw
        )

    [1] => WP_Term Object
        (
            [term_id] => 198
            [name] => União Européia
            [slug] => uniao-europeia
            [term_group] => 0
            [term_taxonomy_id] => 198
            [taxonomy] => post_tag
            [description] => 
            [parent] => 0
            [count] => 154
            [filter] => raw
        )

)

ENQUETE

Você ficou satisfeito com o resultado das eleições parlamentares da Itália?

Ver resultados

Carregando ... Carregando ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • 12h12
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.