Anticorrupção privada Uma corretora de imóveis tentou corromper o diretor do setor imobiliário de um banco privado. Depois de um jantar de negócios, a mulher deixou uma caixa de vinhos para o seu convidado. Dentro dela, além das garrafas, foram acomodados 30 mil euros. O diretor do banco não pensou

Este conteúdo é restrito a membros assinantes do site. Se você é um usuário cadastrado, por favor faça login.

Quer fazer sua assinatura Comunità Italiana e ter acesso a todo conteúdo do site?

Então clique aqui e faça seu registro.

Login de Usuários