Nesta terça-feira (16), a autoridade antitruste, que se opõe à formação de trustes, cartéis e combinações monopolísticas similares, da Itália afirmou que começou uma investigação sobre cinco empresas da Amazon por possível abuso de posição dominante no mercado de comércio eletrônico e de serviços de logística.

A agência italiana disse que a investigação será feita na Amazon Services Europe, Amazon Europe Core, Amazon EU, Amazon Italia Services e Amazon Italia Logistica.

A agência de defesa de concorrência alegou que a Amazon ofereceu certos benefícios a vendedores terceirizados apenas se eles assinassem os serviços logísticos oferecidos pela gigante do varejo online dos Estados Unidos.

“Estamos cooperando plenamente com a autoridade”, disse a Amazon em comentários enviados por e-mail.

A agência antitruste, que disse ter realizado inspeções em algumas das empresas da Amazon envolvidas junto com a unidade antitruste da polícia tributária, disse que a investigação será encerrada até 15 de abril do próximo ano. (com informações da Reuters)