Companheiras da vida e da morte do homem, as armas determinam a força e o poder. No período renascentista na Itália, elas assumiram uma dimensão muito mais abrangente, com valores que foram além de seu uso concreto de ferir, matar o inimigo ou de defesa. Naquela época, as armas

Este conteúdo é restrito a membros assinantes do site. Se você é um usuário cadastrado, por favor faça login.

Quer fazer sua assinatura Comunità Italiana e ter acesso a todo conteúdo do site?

Então clique aqui e faça seu registro.

Login de Usuários