Início » América do Sul elege Fabio Porta para o Parlamento da Itália

América do Sul elege Fabio Porta para o Parlamento da Itália

26 de setembro de 2022 - Por Comunità Italiana
América do Sul elege Fabio Porta para o Parlamento da Itália

Os italianos da América do Sul elegeram dois deputados para o Parlamento: o ítalo-argentino Franco Tirelli (Maie), com 44.468 votos, e o italiano radicado no Brasil Fabio Porta, do centro-esquerdista Partido democrático (PD), com 22.436.

Atualmente senador, Porta quase ficou de fora, já que o PD teve 20,30%, enquanto a coalizão de direita alcançou 20%, o que significa uma diferença de apenas 1.212 votos (assim como no Brasil, o voto vai primeiro para a coligação e depois para o candidato).

A aliança conservadora havia como candidato à reeleição o deputado ítalo-brasileiro Luis Lorenzato, bolsonarista convicto.

“A gente já sabia que, com a redução do Parlamento, a luta seria um pouco mais complicada que das outras vezes”, disse Porta em entrevista à agência italiana de notícias ‘Ansa’. “Mas, justamente por isso, estamos duas vezes mais felizes que das outras vezes, porque só havia metade das vagas”, acrescentou.

Como integrante do PD, o futuro deputado fará oposição ao provável governo de Meloni, mas ele prometeu atuar de forma “construtiva” para buscar “soluções positivas” para os italianos no exterior. “Espero disponibilidade do governo, seja de direita ou de outro tipo, para resolver os problemas dos cidadãos no exterior”, disse Porta.

Nas eleições para a Câmara, a afluência do eleitorado italiano no Brasil foi de 26,8%.

Até as eleições de 2018, o colégio eleitoral da América Meridional tinha direito a duas vagas no Senado da Itália e quatro na Câmara, mas esses números caíram pela metade devido a uma reforma constitucional que reduziu em um terço o total de cadeiras no Parlamento.

Com isso, o deputado ítalo-argentino Mario Borghese, do Movimento Associativo dos Italianos no Exterior (Maie), acabou se beneficiou de um número de eleitores maior na Argentina, onde 34,80% dos mais de 700 mil italianos habilitados votaram para o Senado. No Brasil, os eleitores totalizam cerca de 440 mil, e apenas 26,96% participaram da votação para a Câmara Alta, segundo o Ministério do Interior. Em cifras absolutas, foram 242.443 votos válidos na Argentina e 104.304 no Brasil, considerando apenas o Senado. (com dados da Ansa)

Comunità Italiana

A revista ComunitàItaliana é a mídia nascida em março de 1994 como ligação entre Itália e Brasil.

Leia também outras matérias da nossa revista.



Comentários

ENQUETE

Loading poll ...

NOSSO E-BOOK GRÁTIS

SIGA NAS REDES

HORA E CLIMA EM ROMA

  • Sun Cloud
  • 15h06
fique por dentro

Não perca
nenhuma
notícia.

Cadastra-se na nossa ferramenta e receba diretamente no seu WhatsApp as últimas notícias da comunidade.