Um acidente de barco fez três vítimas fatais na noite de terça-feira (17) em Veneza, nordeste da Itália, incluindo o piloto de motonáutica Fabio Buzzi, de 76 anos de idade

Além dele, também faleceram dois pilotos ingleses, cujos nomes ainda não foram divulgados. Outro italiano, Mario Invernizzi, ficou gravemente ferido. O barco offshore – embarcação esportiva de alto desempenho – se chocou contra uma barreira quebra-mar na entrada da Lagoa de Veneza.

A batida foi tão forte que o barco acabou afundando do outro lado da barreira. O grupo de pilotos tentava quebrar o recorde de tempo no trecho entre Mônaco, a oeste da Itália, e Veneza, na costa leste do país.

Eles partiram do principado às 11h da última segunda-feira (16) e estavam perto de concluir a travessia. Os três corpos já foram recuperados pelos bombeiros.

A embarcação acidentada tem 20 metros de comprimento e pode chegar a uma velocidade de 130 quilômetros por hora. Ela havia sido projetada pelo próprio Buzzi, multicampeão de motonáutica e dono do recorde mundial de velocidade no esporte, com 277,5 quilômetros por hora. (ANSA)