A vila romana do produtor italiano de cinema Carlo Ponti, morto em 2007, foi colocada à venda por 19 milhões de euros – anunciou a rede imobiliária Lionard, nessa última quinta-feira (26)

Ponti e a mulher, Sophia Loren, na década de 1960

Situada no parque Appia Antica, a alguns minutos do Coliseu, a propriedade “é composta de uma mansão de cerca de 680 metros quadrados de dois andares e um anexo independente de 600 metros quadrados” e inclui elementos que remontam a mais de 300 anos antes de Cristo, afirma a Lionard, especialista italiana em imóveis de luxo.

Falecido em 2007, aos 94 anos, Carlo Ponti produziu vários filmes emblemáticos do cinema não apenas italiano, entre eles “A estrada da vida”, do cineasta Federico Fellini, em 1954, como também mundial, como “Doutor Jivago”, do britânico David Lean.

Foi casado com a atriz Sophia Loren, cuja carreira ele lançou após tê-la descoberto em um concurso de beleza.

(AFP)