Segundo dados divulgados na terça-feira (27) pelo Instituto Nacional de Estatística (Istat), o turismo na Itália volta a bater novo recorde

A marca foi relacionada aos serviços de hospedagem em 2017. De acordo com a entidade, a Itália registrou mais de 420 milhões de pernoites (acréscimo de 4,4% em relação a 2016) e 123 milhões de chegadas (+ 5,3%).

Em relação ao turismo interno,o top 3, em ordem decrescente, ficou com a Alemanha, França e Reino Unido. Em quarto lugar aparece o país norte-americano Estados Unidos.

Alguns dos serviços alternativos voltados também registraram novos recordes no país da bota. Os aluguéis breves, por exemplo, totalizaram 145,5 milhões de diárias (+ 7,5%) e 29,4 milhões de chegadas (+10,2%), com uma permanência média de 4,9 noites.