Se depender dos investimentos da Fincantieri, as indústrias naval e militar vão gerar, em 2019, cerca de 10 mil empregos diretos e indiretos no Brasil. Essa é a previsão do cientista político e diplomata Giampiero Massolo, presidente desde 2016 do grupo italiano. O executivo, que também preside o Istituto

Este conteúdo é restrito a membros assinantes do site. Se você é um usuário cadastrado, por favor faça login.

Quer fazer sua assinatura Comunità Italiana e ter acesso a todo conteúdo do site?

Então clique aqui e faça seu registro.

Login de Usuários