A Roma mostrou que ainda não é aquela das temporadas anteriores. Vinda de uma derrota por 3 a 0 para o Real Madrid na estreia na Liga dos Campeões, na quarta-feira passada (19), a equipe da capital sofreu nova derrota neste domingo pelo Campeonato Italiano. Não conseguiu impor sua superioridade nas ações em campo e acabou caindo diante do Bologna por 2 a 0, gols de dois Federicos, Matiello e Santander, um em cada tempo, no estádio Renato Dall’Ara, pela quinta rodada.

Dzeko em meio à sombra na derrota da Roma para o Bologna — Foto: EFE/EPA/GIORGIO BENVENUTI

Com apenas a vitória na estreia e dois empates, soma cinco pontos, caindo da metade de cima para a de baixo da classificação. O Bologna ganhou a primeira e está logo atrás na soma. Tem quatro, mas está em antepenúltimo, em 18º, primeira posição da zona de rebaixamento.

O rival da capital teve sorte bem distinta neste domingo. No Estádio Olímpico, a Lazio goleou o Genoa por 4 a 1, emendou a terceira vitória seguida e foi a nove pontos, em quinto lugar. Deixou o time do norte somando seis, em 11º, logo à frente da Roma.

Caicedo abriu o placar logo aos sete minutos de jogo. Immobile marcou duas vezes, aos 23 do primeiro tempo e aos 44 do segundo, e Milinkovic-Savic completou a vitória, marcando o terceiro aos oito da etapa final. Pelo Genoa, Piatek deixou o seu, logo depois do intervalo, e chegou a cinco gols na liderança da artilharia do Italiano.

Immobile comemora gol da Lazio — Foto: EFE/EPA/ANGELO CARCONI

Quem também ganhou algumas posições foi a Udinese. Ganhou do lanterna Chievo por 2 a 0, com dois gols nos minutos finais, aos 31, de Rodrigo de Paul, e aos 45, de Kevin Lasagna. Com oito pontos, está em oitavo, primeira posição fora da zona de classificação para os torneios europeus. O time de Verona está em último lugar com menos um, devido à perda de três devido a uma punição.

Já o Napoli abriu o domingo de futebol italiano com uma tranquila vitória sobre o Torino, por 3 a 1, em Turim, pela quinta rodada da Série A. O destaque ficou por conta do atacante Insigne, autor de dois gols. Verdi também anotou para os visitantes, enquanto Belotti descontou de pênalti.

O time treinado por Carlo Ancelotti subiu para a segunda colocação, com 12 pontos, atrás apenas da Juventus, que tem 100% de aproveitamento e entra em campo às 15h30 (de Brasília) contra o lanterna Frosinone. O Torino é o 13º, com cinco pontos.

Apesar dos dois de Insigne, o gol mais bonito da partida foi marcado por Verdi, em bonita finalização de primeira após cruzamento de Mertens. O volante brasileiro Allan começou no banco e entrou em campo aos 15 minutos do segundo tempo no lugar de Rog.

(GE)