Filme do diretor mexicano é produzido pela Netflix

(ANSA) – O filme “Roma”, de Alfonso Cuarón, foi premiado neste sábado (8) com o Leão de Ouro do Festival de Veneza, um dos mais importantes do cinema. “Esse prêmio e festival são incrivelmente importantes para mim”, disse o diretor. O longa, produzido em preto e branco, pela Netflix, e falado em espanhol, retrata momentos da infância do diretor, na Cidade do México, na década de 1970. No ano passado, um outro diretor mexicano, Guillermo del Toro, também venceu o Leão de Ouro de Veneza com o filme “A Forma da Água”, que acabou levando o Oscar.

Responsável pela distribuição de “Roma”, a Netflix não informou se o filme irá ao cinema antes de entrar para o serviço de streaming, em dezembro. Nos prêmios de atuação, a atriz Olivia Colman, que interpreta a rainha Anne em “The Favourite”, e William Dafoe, que deu vida a Van Gogh em “At Eternity’s Gate”, foram agraciados com as estatuetas.

“The Favourite” também levou o Grande Prêmio do Júri, e The Ballad Of Buster Scruggs” venceu como Melhor Roteiro.

A Itália, anfitriã do evento e a qual concorria com três produções (Capri Revolution, Che Fare Quando Il Mondo è in Fiamme?, e Suspiria) ficou sem prêmios.