O piloto italiano pode ficar entre 30 a 40 dias fora das pistas

Após sofrer um acidente, o piloto italiano Valentino Rossi foi operado na madrugada desta sexta-feira (1).

De acordo com a Ansa, Rossi fraturou a tíbia e a fíbula da perna direita, durante os treinos para o GP de San Marino.

Segundo o médico responsável pela cirurgia,  Raffaele Pascarella, a recuperação do piloto italiano será de 30 a 40 dias.

“A intervenção cirurgica durou uma hora e foi um sucesso. O processo de recuperação dependerá dele. Penso que Rossi deverá ficar de 30 a 40 dias de repouso”, informou.

“A fratura da tíbia era muito semelhante a que ele teve em 2010, mas, a da fíbula, foi perto do joelho. Por sorte, não estava exposta “, disse o médico.

Rossi não poderá participar do GP de San Marino, nem das corridas do dia 10 e 24.

Caso o tempo de recuperação seja de 40 dias, o italiano será dúvida para o GP do Japão, no dia 15 de outubro.

Rossi estava entre os preferidos na conquista do GP, uma das corridas mais importantes dos últimos anos.

Aos 38 anos, o piloto italiano é favorito nas pistas, e já passou por outras lesões. Porém desta vez o pai do piloto disse estar preocupado.