Os socorristas estão tentando retirar os turistas com helicópteros

As fortes nevascas e o risco iminente de avalanches isolaram algumas cidades das regiões de Trentino-Alto Ádige, Vale de Aosta e Piemonte, que ficam situadas no norte e extremo norte da Itália, nesta segunda-feira (23).

Dezenas de pessoas estão presas dentro de suas casas por conta dos bloqueios nas estradas e rodovias e os membros da Proteção Civil, dos Bombeiros e autoridades locais estão trabalhando sem parar para tentar liberar os acessos.

A situação mais crítica ocorre em Melago, em Vallelunga (Alta Val Venosta) onde uma avalanche ameaça os turistas que estão no hotel Langtauferer, situado a 1.800 metros de altura.

Cerca de 70 turistas estão no local e foram levados para a área construída mais recentemente na estrutura, considerada a mais segura.

Para permitir a evacuação das pessoas estão sendo utilizados cinco helicópteros, incluindo os equipamentos do Exército e da Guarda de Finanças.

Na mesma área, só que em Val Senales, a Proteção Civil espera conseguir reabrir parcialmente o acesso à cidade, que foi interrompido por uma avalanche de neve no último domingo (21). (ANSA)