Presidente da MAIE afirma que “Itália no mundo não é apenas arte, cultura, comida e vinho, mas de alta tecnologia. Orgulhoso ser italiano”

Em visita ao Brasil, o fundador e presidente do Movimento Associativo Italiani all’Estero (MAIE), Ricardo Merlo, foi à fábrica da Fiat na cidade de Goiana, no litoral de Pernambuco. Acompanhado pelo embaixador da Itália no Brasil, Antonio Bernardini, e pelo cônsul Gabor de Zagon, o também senador elogiou a produção da empresa italiana, que conta com quase 15 mil pessoas trabalhando na usina em uma área de 250 mil metros quadrados. Além de possuir máquinas e 607 robôs italianos do mais alto nível.

“A fábrica da Fiat em Goiana é um exemplo de orgulho italiano no mundo. Aqui estão investidos dinheiro na economia real, recursos que geram empregos e agregam valor tanto à economia do Brasil quanto à da Itália”, disse Merlo, que completou. “A Itália no mundo não é apenas arte, cultura, comida e vinho, é também excelência em tecnologia. Orgulhoso ser italiano”.

O gerente de fábrica da FCA, Pierluigi Astorino, foi o responsável por mostrar o trabalho realizado na fábrica e toda a estrutura para Merlo, que depois se reuniu com o vice-governador de Pernambuco, Raul Jean Louis Henry Júnior, e com o diretor-geral dos italianos no exterior, Luigi Vignali. Durante a reunião, Merlo ressaltou a importância da presença de uma grande comunidade italiana naquela área do Brasil e tratou algumas questões que afetam diretamente a comunidade, como os serviços consulares.