Segundo a Gazzetta dello Sport, atacante não deve ser aproveitado pela Inter de Milão; contrato seria por seis meses, mas Peixe o quer por mais um ano

A Inter de Milão pode emprestar o atacante Gabriel ao Santos mais uma vez. A informação é do jornal italiano Gazzetta dello Sport, que aponta o Peixe como “destino provável” de Gabigol.

O Santos confirma que negocia o reempréstimo com a Inter de Milão. O impasse é o tempo de contrato. O Peixe quer Gabigol por mais um ano (como foi em 2018). A Inter toparia por apenas seis meses, com Gabriel voltando à Itália na janela do verão europeu.

Entre pessoas que trabalham com Gabigol há mais cautela nessa possibilidade. O Flamengo era tratado como o favorito caso a Inter de Milão decidisse emprestar o atleta.

A Gazzetta afirma que Gabriel não será incorporado ao elenco da Inter agora em janeiro. Esse era o desejo do jogador, expressado por ele próprio em várias entrevistas durante o mês de dezembro.

A Inter quer 20 milhões de euros (quase R$ 85 milhões) pra vender Gabriel, mas nenhuma proposta de compra foi feita até o momento. Um empréstimo para o West Ham, treinado pelo chileno Manuel Pellegrini, era uma possibilidade, mas o assunto esfriou, segundo a Gazzetta.

O Flamengo também acompanha a situação. A possibilidade de Gabigol vestir a camisa rubro-negra diminuiu nos últimos dias, quando a Inter pediu ao cariocas o pagamento de um valor pelo empréstimo. A Gazzeta, porém, afirma que o Flamengo ainda não desistiu do negócio.

Gabigol tem contrato com o clube italiano até o final de 2021. Ele foi contratado em 2016, mas não conseguiu se destacar. Antes de ser emprestado ao Santos em 2018, defendeu o Benfica, também por empréstimo.

Na volta ao Brasil, foi bem. Terminou o ano como artilheiro do Campeonato Brasileiro, com 18 gols, o que despertou o interesse de clubes rivais. Em dezembro, num vídeo publicado pelo Santos, se despediu da Vila Belmiro e disse que era a hora de dizer “até logo”. A volta pode ser mais rápida do que ele mesmo imaginava. (GE)