Foi celebrado nesta quinta-feira (10) o dia de São Lourenço, data que coincide com a noite das estrelas cadentes, porém esse ano o fenômeno só poderá ser admirado entre os dias 12 e 13 de agosto

O dia 10 celebra São Lourenço, um dos primeiros diáconos da Igreja romana e foi associada com as estrelas cadentes por ser o dia em que é visível a chuva de meteoros “Perseidas”.

 

O que acontece é que a partir do fim de julho até o dia 20 de agosto os meteoros passam pela órbita no período estivo do hemisfério norte. É visível a olho nu e chega a mostrar 100 estrelas por hora. Cientificamente falando, são apenas o que resta da cauda do cometa Swift Tuttle, elas ficaram conhecidas como as ‘lágrimas de São Lourenço’, de acordo com a tradição as pessoas vão para um lugar alto aproveitar o céu de estrelas cadentes.

E em homenagem a essa noite, várias associações de astronomia irão realizar uma noite dedicada às estrelas. A data também se referencia iniciativa “Taças das Estrelas”, organizada pelo Movimento de Turismo de Vinho e pela União de Astrônomos Italianos.

Os italianos comemoram a noite da “chuva de meteoro”, com vinho e poesia. (ANSA)