Alagie Touray admitiu que precisava atropelar uma multidão

Alagie Touray, de 21 anos, foi preso nesta quinta-feira (26) em Nápoles, na Itália, suspeito de planejar um ataque terrorista. Imigrante originário da Gâmbia, Alagie pediu asilo político na Itália, porém, a prática da concessão ainda estava em análise. A operação antiterrorismo foi liderada pelos carabineiros e coordenada pela promotoria pública local.

Durante interrogatório, o suspeito admitiu ter recebido um pedido para atropelar uma multidão. Alagie desembarcou em Messina com centenas de outros imigrantes em 22 de março de 2017 e por um ano ele viveu em Pozzuoli, em Nápoles.

Nos últimos meses, o Estado Islâmico (EI) fez diversas ameaças contra a Itália, o único dos cinco principais países da Europa Ocidental ainda imune a atentados do grupo jihadista, ao contrário de Reino Unido, França, Alemanha e Espanha.

(com informações da ANSA)