Em homenagem as vítimas do naufrágio na ilha de Lampedusa, em 2013, será inaugurado uma exposição na Sicília

A mostra “Crianças, histórias de viagem e esperança”, é uma lembrança dos imigrantes mortos no Mediterrâneo.

Com a inauguração ocorrendo hoje, o evento estará aberto até o dia 13 de outubro para exibir objetos pessoais das vítimas, de acordo com a Ansa.

Haverá também duas salas multimídias com fotos e vídeos para retratar a história de cinco jovens imigrantes.

As histórias que serão narradas são principalmente de pessoas vindas da África e do Oriente Médio.

 

O barco, que era ilegal, partiu do litoral da Líbia e afundou nos arredores de Lampedusa.

A tragédia abalou a Itália, estimulando ao país a manter de forma constante os resgates no Mediterrâneo.