‘Doll Therapy’ será aplicada em pacientes com demência

(ANSA)

O Hospital Molinette, localizado em Turim, na Itália, adotará uma terapia com bonecas em pacientes geriátricos. Conhecido como “Doll Therapy”, o tratamento será feito em pessoas que apresentam distúrbios de comportamento causados por demência e pode ser realizado tanto em nível preventivo quanto de cura.

“Diversos estudos demonstraram que a terapia pode ser realizada tanto em pessoas com problemas comportamentais como naquelas que apresentam quadros de ansiedade, agitação e depressão, para incentivar as relações e conter as mudanças de humor”, informou a Agência Sanitária Hospitalar-Universitária de Turim.

O método estará disponível a partir de 4 de maio. Além dele, o município também aplica a “Pet Therapy”, em que animais ajudam na cura e no tratamento de doenças.

A demência é uma condição em que ocorre a perda da função cerebral e pode ser reversível ou não. O caso mais comum de “demência degenerativa” é o mal de Alzheimer, que afeta quase 10 milhões de pessoas por ano.