Um grave acidente de trânsito modificou o percurso da quinta etapa do Giro d’Italia 2018, realizada nesta quarta-feira (9), entre Agrigento e Santa Ninfa, na Sicília

Perto da linha de largada da prova, um motociclista de 49 anos foi atingido em cheio por um carro que teria forçado o posto de bloqueio para a passagem dos ciclistas. A vítima sofreu uma hemorragia cerebral e está internada em estado grave.

Segundo o jornal “la Repubblica”, o homem também estava em um local interditado ao tráfego, porque queria fotografar os atletas. Por conta disso, o ponto de partida da etapa teve de ser deslocado em alguns metros, o que atrasou a largada.

O trecho de 152 quilômetros foi vencido pelo italiano Enrico Battaglin, que chegou à frente do compatriota Giovanni Visconti e do português José Gonçalves. No entanto, a classificação geral continua inalterada: o australiano Rohan Dennis manteve a “camisa rosa”, um segundo à frente do atual campeão, o holandês Tom Dumoulin. (Agência ANSA)