O Festival Internacional de Cinema de Veneza está em sua 74° edição e neste ano tomará novas medidas de segurança

Nesta quarta-feira (23) foi anunciado pelos organizadores da edição 2017 do Festival Internacional de Cinema de Veneza que a segurança do festival irá contar este ano com segurança antiterrorismo.

Ficou decidido que haverá novas zonas de filtragens das pessoas e dos veículos que estiverem por perto do evento, além da instalação de barreiras fixas e móveis em locais importantes, durante a reunião entre o Comitê Provincial para a Ordem e Segurança Pública da Prefeitura de Veneza  com a organização do evento.

A nova área de vigilância irá contar com detectores de metais e um forte apoio policial.

Novas câmeras também serão instaladas que não tinham uma total cobertura da área da Prefeitura, além de ser monitoradas por agentes 24 horas.

Além disso, uma Central de Operações será montada e deve ser mantida após o Festival.

A intenção é que ela seja formada por um representante de cada força de polícia da Itália e de um técnico da área de telecomunicações, garantindo o apoio no caso de uma alção rápida.

O acesso a ilha de Lido será permitido apenas às pessoas e aos carros que estiverem cadastrados, entre os dias 30 de agosto e 9 de setembro.  E na Ponte della Libertà, que liga Veneza ao continente, haverá controles de velocidade e um veículo blindado militar para auxiliar no controle dos fluxos.

A estação ferroviária Veneza-Mestre, os aeroportos Marco Polo e Nicelli, e a aproximação marítima a Veneza irão ser controlados de “maneira mais específica”, de acordo com o Comitê. (ANSA)