O Ferrari Portofino, considerado pela marca de luxo, como ” o modelo acessível” surge nesta terça (12)

A Portofino será o mais “barato” da marca italiana, que de acordo com a Ansa, chega com um motor V8 de 3.8 litros.

A grande novidade é 40 cv mais potente que o California T, carro que está sendo substituído. Além disso ele desenvolve até 600 cv de potência e 77, 5kgfm de torque.

Sua velocidade máxima é de 320 km/h e tem uma aceleração de 0 a 200 km/h em apenas 10,8 segundos.

A escolha do nome

O nome escolhido é uma inspiração na cidade na costa da Itália, um dos destinos mais luxuosos.

“Nós procuramos um lugar que representa a Itália com prazer, vida, beleza, elegância e design”, explicou Enrico Galliera, diretor comercial e de marketing da Ferrari.

A Portofino é um modelo conversível que tem um espaço maior do que o normal e lugar para quatro pessoas.

Ele vem com um sistema multimídia, com tela sensível ao toque, além de assentos ajustáveis para 18 posições.

“A nova Ferrari Portofino é símbolo dos italianos. O nome foi escolhido porque queremos que os carros Gran Turismo sejam identificados com um nome e não com um número”, finalizou.