Após deixar comando de time chinês, Fabio Capello se aposenta do futebol aos 71 anos

Sem clube desde que deixou o Jiangsu Suning, da China, em março, o técnico Fabio Capello anunciou sua aposentadoria em entrevista à rádio italiana Rai.

Capello, que já treinou Juventus, Milan, Real Madrid e Roma, revelou sua aposentadoria quando foi perguntado sobre a possibilidade de assumir a seleção italiana.

“Já tive experiências com as seleções da Inglaterra e da Rússia. Queria treinar um clube mais uma vez, e o Jiangsu foi meu último trabalho no futebol. Fiz tudo que queria. Estou satisfeito com o que eu fiz, e agora vou curtir ser comentarista. Você sempre vence nesse trabalho”, brincou.

A seleção italiana está sem treinador desde sua eliminação na Copa do Mundo, após empate com a Suécia, em novembro, na repescagem. Somente em duas oportunidades anteriores a Azzurra ficou fora do Mundial (1930 e 1958) e há 60 anos o feito não se repetia. Os maus resultados se repetem desde 2010, na África do Sul.