Dunga está em Florença, na Itália para receber premiação

O ex-técnico do Brasil, Dunga falou que qualquer treinador no mundo gostaria de cuidar da seleção italiana, que ficou fora da Copa de 2018.

Ele deu esta declaração nesta quarta-feira, em Florença, onde  capitão do tetra está para receber uma premiação.

O Fiorentina fez uma homenagem ao ex-jogador que defendeu o clube entre 1988 e 1992.

Segundo a Ansa, os jornalistas então o questionaram se ele aceitaria assumir o Azzurra.

 

“Todos os treinadores do mundo gostariam, mas não acredito que haja essa necessidade”, declarou Dunga.

Dunga també falou que é importante que o futebol italiano precisa reencontrar suas características que sempre o marcaram em campo.

“O futebol italiano sempre foi apreciado pela fase defensiva e ofensiva, o ‘tiki-taka’ não combina com ele”, disse.

Nesta quinta-feira (3) haverá uma cerimônia e Dunga será incluído no “hall da fama” da Viola.