A Fifa divulgou hoje (17) a lista de 24 indicados ao prêmio The Best, de melhor jogador do mundo em 2017, com o português Cristiano Ronaldo, do Real Madrid, e o argentino Lionel Messi, do Barcelona, aparecendo como protagonistas, e com as presenças dos brasileiros Neymar, atualmente no Paris Saint-Germain (PSG), e Marcelo, lateral esquerdo do Real Madrid. A informação é da EFE.

O Real Madrid, clube campeão europeu, de Cristiano Ronaldo (eleito melhor do mundo em 2016) e de Marcelo, é o grande destaque deste ano, com mais cinco presenças, o goleiro costarriquenho Keylor Navas; o lateral-direito espanhol Dani Carvajal; o zagueiro espanhol Sergio Ramos; o meia alemão Toni Kroos; e o meia croata Luka Modric.

Já o Barcelona viu emplacarem na disputa além de Messi os seus companheiros Neymar, agora no PSG, mas que concorre pelo período que defendeu o Barça, o meia espanhol Andrés Iniesta, e o atacante uruguaio Luis Suárez.

Vice-campeão da Europa, o Juventus só teria três representantes, mas um deles, o zagueiro italiano Leonardo Bonucci, acertou transferência para o Milan nesta temporada. O goleiro italiano Gianluigi Buffon aparece como forte candidato a figurar entre os três finalistas. O outro é o atacante argentino Paulo Dybala.

Também concorrem o goleiro alemão Manuel Neuer, o meia chileno Arturo Vidal e o atacante polonês Robert Lewandowski, todos do Bayern de Munique; o volante francês N’Golo Kanté e o meia belga Eden Hazard, do Chelsea; e o atacante francês Antoine Griezmann, do Atlético de Madrid.

E mais o atacante Pierre-Emerick Aubameyang, do Borussia Dortmund; o atacante sueco Zlatan Ibrahimovic, ex-Manchester United; o atacante inglês Harry Kane, do Tottenham; e o atacante chileno Alexis Sánchez, do Arsenal.

Prêmio The Best

Além disso, três treinadores italianos aparecem na lista de indicados a melhores técnicos, ou The Best, como a FIFA passou a chamar desde o ano passado: Massimiliano Allegri (Juventus), Carlo Ancelotti (Bayern de Munique) e Antonio Conte (Chelsea).

Completam a lista de finalistas Tite (seleção Brasileira), Zinedine Zidane (Real Madrid), Luis Enrique (ex-Barcelona), Diego Simeone (Atlético de Madrid), José Mourinho (Manchester United), Leonardo Jardim (Monaco), Joaquim Löw (Alemanha) e Mauricio Pochettino (Tottenham).

A votação começará na próxima segunda-feira (21), através do site da Fifa, e será encerrada em 7 de setembro. Os nomes dos três mais bem votados serão divulgados no mesmo mês. A cerimônia de entrega dos prêmios está marcada para Londres no dia 23 de outubro. (Agência Brasil)