A Fiorentina homenageará mais uma vez seu ex-zagueiro e capitão Davide Astori. Desta vez, rebatizará o seu Centro de Treinamento com o nome do ex-atleta, falecido no último dia 4 de março, aos 31 anos, de parada cardíaca, antes da partida da Viola contra a Udinese, que foi remarcada para o próximo dia 3 de abril

A confirmação da homenagem veio do próprio presidente do clube, Mario Cognini. “Vamos mudar o nome do nosso CT em memória de Davide Astori”, declarou o dirigente.

O tributo se juntará a mais um conjunto de outros já feitos pelo clube italiano. No primeiro jogo pós-falecimento de Astori, por exemplo, o brasileiro Vitor Hugo mostrou uma camisa com o nome do ex-zagueiro após o gol que havia feito. Ao mesmo tempo, a torcida exibia um imenso mosaico que homenageava Astori. No mesmo jogo, no minuto 13 – número da camisa do ex-atleta – houve um minuto de silêncio por parte de todos.

A Fiorentina, inclusive, decidiu por aposentar a camisa de número 13 em homenagem ao seu ex-capitão, que jogava na Viola desde 2015 e era tido como um dos principais jogadores do elenco.