Trama de “Stromboli” se passa durante a Segunda Guerra Mundial

O filme italiano “Stromboli” (1950) foi restaurado e está sendo exibido em alguns cinemas do Brasil.

Sob direção de Roberto Rossellini, de “Roma, Cidade Aberta” e “Paisà”, o longa-metragem se passa após o fim da Segunda Guerra Mundial e retrata a trajetória de Karen, uma lituana que se casa com o pescador Antonio para fugir de um campo de concentração.

No entanto, Karen não se acostuma com a vida no vilarejo aos pés do vulcão Stromboli, que possui moradores muito tradicionais e conservadores, e entra em conflito com a população local.

“Stromboli” é também a primeira parceria de Rossellini com a sueca Ingrid Bergman, tida como uma das melhores atrizes da história do cinema. Eles tiveram um caso extraconjugal durante as filmagens.

O “Espaço Itaú de Cinema” exibe o longa em São Paulo (Augusta), às 18h30; no Rio de Janeiro, às 19h40; em Brasília, às 16h; e em Porto Alegre, às 19h30.

Por sua vez, o “Caixa Belas Artes” da capital paulista apresenta “Stromboli” às 18h20. O filme fica em cartaz até quarta-feira (4).

(ANSA)